Mais Lidos
Carregando...

Vivendo em Berlin: os primeiros meses


Já são quase 5 meses desde que decidi trocar Sydney por Berlin.
Como falei nesse post, o plano ainda é ficar por aqui por tempo determinado, e até agora, a aventura tem se mostrado muito mais gratificante e recompensadora do que eu imaginava, e vou explicar os motivos nesse e nos próximos posts.

Agora, já estando bem estabelecido aqui e conhecendo um pouco melhor a cidade, vou passar para vocês um pouco das minhas primeiras impressões sobre Berlin e, claro, fazer alguns comparativos com Sydney.

Neste primeiro post da minha fase de vida/trabalho na Alemanha, vou passar minhas primeiras impressões sobre a cidade e essa maravilhosa experiência que tem sido viver e trabalhar aqui.

Nos próximos posts vou trazer alguns exemplos de coisas que são melhores, piores ou tão boas quanto Sydney.

PRIMEIRAS IMPRESSÕES: CLIMA

O clima é certamente a primeira grande diferença que se nota. Como cheguei aqui no Outono, o friozinho já estava instalado e já comecei a me preparar para o tão temido inverno europeu. Um dia frio de Outono aqui (que varia 8 de 15 graus) aqui é um dia normal de inverno em Sydney. Um dia normal de inverno aqui (2 a 8 graus) é um dia horrível de inverno em Sydney. Aqui o inverno é mais longo e bem mais frio, mas como as cidades são bem preparadas e a infra é ótima (por exemplo, todas as casas/offices tem aquecimento), só passa frio quem quiser.

Geralmente, pelo que dizem os locais com quem conversei, todos os anos neva algumas vezes em Berlin, normalmente no fim de Dezembro e em Janeiro. Vimos neve várias vezes aqui, mas apenas dois dias a neve foi suficiente para cobrir as ruas de branco. É lindo de ver e todo mundo fica encantado ao ver a cidade amanhecer branquinha, mas logo logo as máquinas limpam as calçadas e ruas e pouco sobra do branco. A infra da cidade é tão boa que a neve não chega a atrapalhar a rotina de ninguém.

CUSTO DE VIDA

Para quem chega aqui com temperaturas mais amenas (primavera, verão ou início do outono), talvez a primeira grande diferença que se percebe logo de cara é o custo de vida, que é bem mais baixo que na Austrália. Desde comida e transporte até aluguel, o custo das coisas é nitidamente mais baixo.

Por exemplo, um item que consome boa parte da renda mensal de qualquer cidadão, o aluguel. Um studio não-mobiliado (JK ou kitchenete, como falamos no Brasil) em um bairro central e bem localizado em Sydney não sai por menos de $400 por semana, enquanto aqui, não é difícil encontrar um studio mobiliado em um bairro ótimo (perto de Alexanderplatz por exemplo) por 600 Euros por mês. E antes que você cometa o comum engano de converter Euro para AU$, não esqueça que quem mora aqui recebe (e gasta) em Euro, ou seja, converter não faz sentido nenhum.

MUITO EMPREGO EM TI

Berlin é a capital européia das startups mas mesmo sabendo disso antes de vir, ainda estou impressionado com a quantidade de empregos em TI (mais especificamente em desenvolvimento de software e de aplicações para celular) que há por aqui.

Outra grande vantagem para profissionais estrangeiros é que Berlin é uma das (se não a mais) internacional das cidades européias. Conheci muitas pessoas que vivem e trabalham aqui já há vários anos e não falam alemão, seguem se virando muito bem só com o inglês. Sabendo falar inglês, é muito fácil se virar na maioria das situações, pois os alemães crescem estudando inglês e pelo menos mais uma língua estrangeira.

VIAJAR, VIAJAR E VIAJAR

Por ser um dos hubs da Europa, é muito fácil e barato viajar pela Europa saindo de Berlin, seja usando os trens de alta velocidade ou alguma das várias linhas aéreas de baixo custo (EasyJet, RyanAir, GermanWings, entre outras). E como muitos dos destinos mais interessantes da Europa estão a poucas horas de Berlin, é super fácil voar numa sexta a noite depois do trabalho para um destino novo e voltar segunda pela manhã. Vou falar mais sobre esse assunto em um post futuro.

Essas foram as minhas principais primeiras impressões de Berlin e é claro que há muito mais, então vou deixar para abordar cada item em mais detalhes nos próximos posts.

Até a próxima!